Crescimento da Classe C. A Web apoia

marca-dagua
Cursos gratuítos na FAPCOM
17 de junho de 2009
marca-dagua
Dica da Semana
19 de junho de 2009
marca-dagua
Amigos.

Conforme disse ontem, essa semana fiz a minha estréia como colunista mensal do Blog O Melhor do Marketing.

Em meu primeiro – de muitos artigos por lá – abordei o crescimento da Classe C e como a Internet influencia no comportamento de compra desse público.

A classe C domina a população brasileira, cerca de 70% dela está presente nessa classe. O número aumentou por 2 fatores: Queda do padrão das classes AB e ascenção das classes CD, entretanto, o crescimento das classes CD foi maior, logo, o país ganhou mais potenciais consumidores ao longo dos ultimos 10 anos.

O efeito: “Casas Bahia” fez com que os consumidores comprassem cada vez mais e mais fácil; com o mesmo valor de prestação, antes comprava-se um Corsa em 24 meses… hoje um Vectra, só que em 72 meses! Mas se compra! Os produtos aspiracionais, estão cada vez mais no gosto da classe C, que os deseja e faz de tudo para comprá-los!

Agora, as marcas de consumo de massa, como roupas, refrigerantes, carros, enfim, marcas que não são uma Louis Vitton ou Armani, estão de olho nesse crescimento da classe C, que está além de consumindo mais, entrando na web de forma “agressiva” não apenas para comprar, mas também para interagir!

Diante a esse cenário, as marcas começaram a olhar melhor para a web, e por quê?

Porque a classe C entrou de vez no mundo digital. Mais uma vez, vamos a valores:
Há 10 anos atrás, ter internet banda larga era cara. Hoje por 29,90 você tem Net Virtua de 1 mega! Computadores custavam cerca de 4 mil reais. Hoje com 890 reais no Extra você compra um bom computador, e ainda pagando em 15X de 60 reais, se quiser pagar um pouco mais caro, compra um Notebook por 15X de 89 reais.

E como esses efeitos: “Casas Bahia” e compra de PCs/Notebooks podem influenciar no potencial de consumo no Brasil?

Acessem aqui e leiam na íntegra o artigo!

Já está a venda o Livro PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL, pela editora BRASPORT.
www.brasport.com.br aqduira já o seu!

Abraços
Felipe Morais

Felipe Morais
Felipe Morais
Publicitário, apaixonado por planejamento digital. Começou a carreira, em 2001, atuando como redator publicitário, passando, em 2003 para a área de planejamento digital, onde atua até hoje, sendo reconhecido como um dos grandes nomes do mercado no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *